quarta-feira, 26 de junho de 2013

2 ovnis dia 25.06.2013 Gontijas - Ferreira do Zêzere

Os objectos observados, foram registados durante a vigilia que decorreu das 22h30 ás 01h00.


Mapa das observações


Ovni ás 23h50

Após um grande flash inicial, foi observado um objecto, do qual eram emitidos 3 flashs pulsantes sequenciais, seguidos de um flash grande. O objecto dirigiu-se a 75º a Oeste do ponto de observação, para Norte, numa trajectória em pequenos S's descrevendo uma curva larga de 90º, deixando de ser observado derivado á distância. Durante toda a observação não foi possível observar qualquer estrutura do objecto.
Este mesmo objecto observado nos dias anteriores, foi observado desta vez com melhores pormenores a olho nu, porque a altitude deste era menor, possibilitando desta vez, uma razoável observação da emissão dos flashs.
Foi possível observar que os 3 flashs pulsantes são na realidade uma fonte de luz que percorre de maneira circular, no sentido contrário dos ponteiros de um relógio, todo o contorno do objecto e ao final da 3ª volta completa é emitido uma luz por todo o contorno em simultâneo, daí o 4º flash maior que os 3. Tendo em conta esta nova observação, pode-se deduzir que o objecto tem uma forma circular, embora seja invisível.

Outras observações do mesmo objecto:

12.06.2013 ás 23h12/23h46/00h04 

13.06.2013 ás 23h32
14.06.2013 ás 23h24
16.06.2013 ás 00h07/00h14/00h41
21.06.2013 às 23h43
23.06.2013 às 23h34
Fotografia do objecto

Video do objecto




Ovni ás 00h49

Após um grande flash inicial foi observado um objecto de forma circular com bases em cone, que girava sobre si mesmo de forma irregular dando a impressão que não estava estável durante o voo. Os flashs observados são uma fonte de luz que percorria de forma circular todo o objecto a grande velocidade de forma em "8 deitado", daí a conclusão que o objecto não estaria estável apoiando-se unicamente sobre o seu ponto de gravidade. O objecto foi inicialmente observado a 90º na vertical do ponto de observação em direcção a Norte-Este numa trajectória linear, deixando de ser observado derivado á distância.
Este objecto encontrava-se a uma altitude superior a 20 km's, mas deu para observar estes pormenores a olho nu.

Fotografia do objecto

Video do objecto




Um abraço

Carlos Lopes

Sem comentários:

Enviar um comentário